Usando Metas e Funis no Google Analytics para seu Blog ou Site

Posted on novembro 24, 2010

3


Trazer visitantes para seu site é um dos principais objetivos do trabalho de SEO e SEM. Esse tráfego precisa ter qualidade, ou seja, o público atraído ao site precisa atingir um objetivo, que quer dizer: Meta e Conversão .

Você tem um e-commerce que vende bicicletas. Se o usuário vê o produto e finaliza a compra, a meta foi atingida. Ou você tem um site onde você fala sobre seus serviços, o objetivo é que depois que a pessoa veja o as informações do serviço ela vá até a página de contato, ligue para você ou mande um email querendo contratar esse serviço, ou seja, meta atiginda.

Objetivo e Metas do SEO

É muito comum o uso de Metas no Google Analytics para E-commerce e sites grandes. Mas quem tem blog ou sites menores também pode utilizar as Metas para análise de seus objetivos.

Além da Meta, você pode utilizar o Funil. O Funil é a seqüência de páginas que o usuário percorre para chega à Meta. Como no caso citado acima, o usuário acessa a página de serviço, depois vai até o formulário de contato e ao enviar o formulário abre a tela informando que os dados do formulário foram enviados com sucesso.

Para fazer isso, ele percorreu três páginas: o serviço >> o formulário de contato >> e a janela de formulário confirmado o envio.

Como criar uma Meta no Google Analytics?

Entre no perfil de seu website no Google Analytics e depois de clicar em (1) Metas, vá até (2) Configurar Metas e Funis.

Metas no Google Analytics

Na página seguinte é possível configurar até 20 vinte metas divididas em 4 conjuntos. Antes só se podia configurar 4 metas. Clique em Adicionar Metas.

Adicionar Metas

Defina o nome da Meta e selecione um dos três tipos. Para saber com mais detalhes sobre cada um, acesse a ajuda do Google Analytics.

Conjunto de Metas do Google Analytics

Vou selecionar Destino do URL e preencher as opções de detalhes da Meta.

Detalhes da Meta

Configurando um Funil

Ao clicar em + Sim, criar um funil para essa meta você visualiza os campos para inserir a(s) url(s) e o nome das páginas que o usuário irá passar até chegar à página meta.

Criar Funil da Meta

Nosso exemplo:

/serviço.htm – Serviço

/contato.htm – Contato

/confirma_form – Corfirmação de Envio

Cuidado quando você tem URLs que mostram a extensão da página, pois, /serviço.htm é diferente de /serviço.html que é diferente de /serviço.php que também é diferente de /serviço/.

Então muito, mas muito cuidado como está a estrutura da sua URL e como você monta o funil. Tem que ficar atento.

Dica do Domicio Neto

*você pode inserir até 10 etapas e marcar quais são obrigatórias.

Dados da Meta e Funil

Com a criação da Meta e do Funil, o Google Analytics permite avaliar o número de pessoas que acessaram a página inicial da Meta, os acessos que atingiram a meta (Conversões) e os usuários que abandonaram a meta antes de atingi-las.

É só acessar Metas e verá várias opções de visualização dos dados.

Opções de visualização de Metas e Funis no Google Analytics

Porque é importante a criação de Metas e Funis?

Como eu disse no início da postagem, além trazer visitantes para o site através de técnicas de SEO e outras estratégias de Marketing Digital, é preciso saber se o objetivo do site está sendo atingido. Pode ser vender o produto ou serviço, pode ser a leitura de um texto, o download de algum arquivo, etc. E através das Metas e Funis é possível saber sobre a conversão. Se não estiver cumprindo o objetivo, é possível analisar onde está o problema, em qual página o usuário abandou o processo e otimizar a página. É fato que com ferramentas gratuitas como o Google Analytics temos à disposição várias formas de avaliar o desempenho do site ou blog e trabalhar na otmização.

Anúncios